Ir para o conteúdo

Prefeitura de Andradina
Acompanhe-nos:
Rede Social Facebook
Notícias
Enviar para um amigo!
Indique essa página para um amigo com seus dados
Obs: campos com asterisco () são obrigatórios.
Enviando indicação. Por favor, aguarde...
JAN
07
07 JAN 2022
Andradina não registrou casos de H3N2 e Omicron, mas é preciso prevenir quanto a “Flurona”
A junção da epidemia de gripe H3N2 com a pandemia de Covid está resultando em situações onde as duas doenças ocorrem ao mesmo tempo. A coinfecção já tem até apelido, “flurona”, um neologismo para misturar os termos “flu” (gripe, em inglês) e “corona”. 

“Aqui no Município não temos relato da dupla infecção, mas já é uma realidade em todo mundo inclusive em no Estado de SP. O 1° caso detectar foi em uma gestante em Israel, que evoluiu positivamente. A maioria dos casos de "flurona" como está sendo chamada as pessoas não tomaram nem a vacina da Influenza nem do Covid”, disse a Coordenadora de Atenção Básica Carla Back em declarações ao público ao lado da Sub-Secretária de Saúde Maristela Marin.

O apelo é para que as pessoas procure a vacinação tanto contra a influenza como para a Covid 19. Em Andradina, chegaram um pequeno numero de vacinas contra influenza do tipo utilizado nas campanha de 2021, que mesmo que não tenha efeito contra a H3N2, pode imunizar contra outros tipos de vírus.

“A vacina muda ano a ano. A campanha da vacinação contra Influenza iniciou em Março de 2021 e era para ter terminado em Julho de 2021. Devido à baixa adesão a campanha se prorrogou. Essa semana recebemos um pequeno quantitativo contra H3N2. Já foi notificado que a vacina da Campanha 2022 conterá a cepa nova e que provavelmente será antecipada”, disse.

Entenda
É possível ter coinfecção por Covid-19 e Influenza. Nos últimos dias, a combinação tem sido chamada de “Flurona”.

Poucas semanas atrás, a pneumologista Margareth Dalcomo, pesquisadora da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), anunciou que era possível se contagiar com ambos os vírus ao mesmo tempo.

Ainda antes da vacina contra a Covid ser realidade, um estudo inglês fez um alerta de que infectados pelo coronavírus teriam o dobro de risco de morrer se contraírem junto a gripe. Com a imunização, contudo, a figura muda.

“Sabemos que as vacinas estão cumprindo bem o papel delas, que é evitar casos graves e mortes. Uma pessoa com coinfecção pode ter sintomas mais leves de Covid. porque está protegida, mas pode sentir mais os danos da Influenza. De qualquer modo, duas infecções podem sobrecarregar o organismo”.
Seta
Versão do Sistema: 3.1.9 - 17/01/2022
Copyright Instar - 2006-2022. Todos os direitos reservados - Instar Tecnologia Instar Tecnologia